A recontextualização de materiais curriculares educativos por professores de Matemática moçambicanos

Autores

Palavras-chave:

materiais curriculares educativos, recontextualização, professores de matemática do primeiro ciclo do ensino secundário

Resumo

Esta pesquisa teve o objetivo de identificar e compreender processos de recontextualização pedagógica de materiais curriculares educativos, em sala de aula, mobilizados por professores de Matemática moçambicanos, após terem participado de um programa de formação continuada. Trata-se de professores que ensinam no nível secundário do primeiro ciclo (8.ª, 9.ª e 10.ª classes). Para a coleta de dados, utilizámos a observação de aulas e entrevistas. A análise de dados baseou-se no conceito de recontextualização, da teoria de Basil Bernstein. Os resultados da pesquisa evidenciaram que os professores executaram uma prática pedagógica que se traduziu em uma recontextualização de alguns dos princípios subjacentes ao material que implementaram, em termos dos conteúdos e do sequenciamento das tarefas matemáticas contidas no material. Nossa análise permitiu concluir que essa recontextualização foi, simultaneamente, consequência da interlocução de princípios pedagógicos de diferentes campos de recontextualização, por exemplo, dos delineadores de materiais curriculares educativos e do programa de formação continuada ,e da identificação dos professores com princípios pedagógicos rotineiros que já vinham guiando o seu trabalho docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Bernstein, B. (1990). Class, Codes and Control: The structuring of pedagogic discourse. London: Routledge.

Bernstein, B. (2000). Pedagogy, symbolic control and identity: Theory, research, critique. New York: Rowman & Littlefield.

Bismack, A. S., Arias, A. M., Davis, E. A., & Palincsar, A. S. (2014). Connecting curriculum materials and teachers: Elementary science teachers’ enactment of a reform-based curricular unit. Journal of Science Teacher Education, 25, 489–512. https://doi.org/10.1007/s10972-013-9372-x

Brown, M. W. (2009). The teacher–tool relationship: Theorizing the design and use of curriculum materials. In G. M. Lloyd, J. T. Remillard, & B. A. Herbel-Eisenmann (Eds.), Mathematics teachers at work: Connecting curriculum materials and classroom instruction (pp. 38-57). New York: Routledge, Taylor and Francis Group.

Calado, S. (2007). Currículo e manuais escolares: Processos de recontextualização no discurso pedagógico de Ciências Naturais do 3º Ciclo do Ensino Básico (Dissertação de mestrado). Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Lisboa.

Creswell, J. W. (2007). Qualitative inquiry and research design: Choosing among five approaches. Thousand Oaks: Sage.

Davis, E. A., & Krajcik, J. S. (2005). Designing educative curriculum materials to promote teacher learning. Educational Researcher, 34(3), 3-14.

Drake, C., & Sherin, M. G. (2009). Developing curriculum vision and trust: Changes in teachers’ curriculum strategies. In G. M. Lioyd, J. T. Remillard, & B. A. Herbel-Eisenmann (Eds.), Mathematics teachers at work: Connecting curriculum materials and classroom instruction (pp. 58-76). New York: Routledge, Taylor and Francis.

Ferreira, S. C. (2007). Currículos e princípios ideológicos e pedagógicos dos autores: Estudo do currículo de Ciências Naturais do 3º Ciclo do Ensino Básico (Dissertação de mestrado). Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Lisboa.

Fontana, A., & Frey, J. H. (2005). The interview: From neutral stance to political involvement. In N. K. Denzin & Y. S. Lincoln (Eds.), Handbook of qualitative research (pp. 695-727). Thousand Oaks: Sage.

Grilo, J. P. (2014). Da universidade para a escola: A recontextualização de princípios e textos do discurso pedagógico de disciplinas específicas da licenciatura em Matemática (Dissertação de Mestrado). Faculdade de Educação, Universidade Federal da Bahia, Bahia.

Luna, A, V. (2012). A modelagem matemática na formação continuada e a recontextualização pedagógica desse ambiente em salas de aula (Tese de Doutorado). Universidade Federal da Bahia e Universidade Estadual de Feira de Santana, Salvador.

Penteado, M. G. (1999). Novos atores, novos cenários: Discutindo a inserção dos computadores na profissão docente. In M. A. V. Bicudo (Org.), Pesquisa em educação matemática: Concepções e perspectivas (pp. 297-313). São Paulo: Editora UNESP.

Remillard, J., Hendrik Van, S., & Tomas, B. (2014). A cross-cultural analysis of the voice of curriculum materials. In Proceedings of the International Conference on Mathematics Textbook Research and Development (pp. 395-400). Southampton: University of Southampton.

Schneider, R. M. (2012). Opportunities for teacher learning during enactment of inquiry science curriculum materials: Exploring the potential for teacher educative materials. Journal of Science Teacher Education, 24(2). https://doi.org/10.1007/s10972-012-9309-9

Silva, M. P. G. (2009). Materiais curriculares e práticas pedagógicas no 1º ciclo do Ensino Básico: Estudo de processos de recontextualização e suas implicações na aprendizagem científica (Tese de Doutoramento). Instituto de Educação, Universidade de Lisboa, Lisboa.

Silva, M. S., Barbosa, J. C., & Oliveira, A. M. P. (2012). O sequenciamento do ambiente de modelagem matemática a partir do contato com materiais curriculares educativos. Acta Scientiae, 14(2), 240-259.

Silva, M. S., Barbosa, J. C., & Oliveira, A. M. P. (2013). Materiais curriculares educativos sobre Modelagem Matemática e a recontextualização pedagógica operada por professores iniciantes. Revista Iberoamericana de Educação Matemática, 34, 47-67.

Stein, M. K., & Kim, G. (2009). The role of mathematics curriculum materials in large-scale urban reform: An analysis of demands and opportunities for teacher learning. In G. M. Lloyd, J. T. Remillard, & B. A. Herbel-Eisenmann (Eds.), Mathematics teachers at work: Connecting curriculum materials and classroom instruction (pp. 58-76). New York: Routledge, Taylor and Francis Group.

##submission.downloads##

Publicado

2020-06-27

Como Citar

Diniz, P., & Barbosa, J. C. (2020). A recontextualização de materiais curriculares educativos por professores de Matemática moçambicanos. Quadrante, 29(1), 140-158. Obtido de https://quadrante.apm.pt/index.php/quadrante/article/view/570

Edição

Secção

Artigos